Dez coisas que você deve saber sobre os missionários

Plaquetas pretas? Capacetes para bicicleta? Andando em duplas? Aqui estão algumas coisas que você deve saber sobre os missionários de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Dois missionários estão em um campo
1

Eles são os que usam plaquetas pretas e capacetes legais para bicicleta

Alguns missionários andam de bicicleta, outros andam a pé e alguns até dirigem carros. Mas todos eles usam plaquetas pretas com seu nome e o logotipo da Igreja, que diz: A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Então, se missionários baterem em sua porta e não tiverem plaquetas com o logotipo, eles são de uma igreja diferente.

2

Não é visão dupla (a menos que esteja vendo quatro deles)

Normalmente, os missionários trabalham em duplas. Às vezes, podemos ver mais do que dois missionários, mas nunca menos. E eles não são apenas companheiros — também são colegas de quarto. As duplas existem para que os missionários possam cuidar uns dos outros. Afinal, a maioria dos missionários está trabalhando em lugares que ficam longe de casa. Seus pais ficam mais tranquilos sabendo que não estão sozinhos.

3

Eles não só aparentam ser jovens, eles são jovens

A maioria dos missionários têm entre 18 e 25 anos de idade. Tanto homens quanto mulheres podem servir missão, embora as duplas sejam exclusivamente do sexo masculino ou feminino. Somente os membros solteiros da Igreja servem missão. Isso porque a missão dura de 18 meses a dois anos e é muito tempo para alguém ficar longe do cônjuge! Há uma grande exceção: casais casados aposentados também podem servir missão juntos.

4

Não há roteiro

Os missionários recebem treinamento. Por exemplo, alguns aprendem idiomas diferentes. Os missionários também recebem instruções sobre a comunicação eficaz para que possam ser melhores professores e, o mais importante, melhores ouvintes. E embora tenham uma lista de princípios que ensinam, a regra geral é adaptar cada debate às necessidades individuais da pessoa que está sendo ensinada.

5

Eles não recebem salário, mas os benefícios são excelentes

Ser missionário exige muito trabalho, mas o salário é bem baixo. De fato, os missionários não recebem nada. Na verdade, eles pagam a missão a seu próprio modo. E fazem isso de boa vontade — até com alegria. Isso porque eles realmente amam o que fazem e estão lá porque querem estar. Eles apreciam o crescimento pessoal. E, além disso, gostam de ver a diferença que o evangelho faz na vida daqueles a quem ensinam.

6

Você pode conversar com eles pessoal ou virtualmente

Se achar mais confortável, você pode se reunir com os missionários de forma on-line. Eles responderão a suas perguntas sobre o evangelho de Jesus Cristo e Sua Igreja hoje. Não precisa se preocupar em se sentir obrigado ou se envolver mais do que você gostaria. Cabe a você decidir o quanto gostaria de aprender.

7

Eles respeitam suas mães, a lei e seu tempo

Os missionários não são vendedores insistentes que vão de porta em porta. São boas pessoas que só querem ajudar. Eles tentam fazer com que as reuniões sejam breves, de até no máximo uma hora. Se pedir que eles terminem antes, eles o fazem. Se quiser conversar com eles novamente, mas estiver ocupado, eles vão se ajustar de acordo com seus horários.

8

Nem todos concordam com eles, mas a maioria das pessoas gosta deles

Quando as pessoas conversam com os missionários, muitas coisas diferentes podem acontecer. Mesmo se elas decidirem parar de se reunir com os missionários, as pessoas geralmente sentem que a experiência com eles foi positiva. Isso porque os missionários tendem a ser boas pessoas que só querem ajudar outras pessoas. Por isso você provavelmente verá os missionários ajudando e prestando serviço em toda a comunidade sempre que eles têm a oportunidade.

9

Muitas pessoas concordam com eles

Milhões de pessoas mudaram sua vida depois de conversar com os missionários. Em todo o mundo, os missionários da Igreja compartilham uma mensagem de alegria sobre o plano de Deus e sobre a missão divina de Jesus Cristo. São mensagens incríveis que têm o poder de inspirar e transformar.

10

Eles estão apenas seguindo Jesus

Andar por aí falando sobre Deus não é algo novo. Foi o que Jesus Cristo fez quando estava vivo. Depois de Sua morte e Ressurreição, foi o que Ele instruiu Seus discípulos a fazer. Isso vale para os nossos dias também. Assim, embora as plaquetas pretas tenham nomes de missionários diferentes, o nome mais importante — Jesus Cristo — está sempre ali, dentro do nome de nossa Igreja. Os missionários compartilham, e sempre compartilharam, Sua mensagem.

Saiba mais sobre Jesus e Sua Igreja hoje